EUA: atirador de Buffalo, que matou 10 pessoas, passou por avaliação de saúde mental há 1 ano

Divulgado em 16/05/2022 - 12:30 por portoferreirahoje

O adolescente branco que matou dez pessoas a tiros em um ataque com motivação racista a um supermercado na cidade de Buffalo, Nova York, foi detido e submetido a uma avaliação de saúde mental um ano atrás, mas liberado pouco depois, disseram autoridades neste domingo (15).

Em uma entrevista coletiva, o comissário de polícia de Buffalo, Joseph Gramaglia, contou que em 2021 Gendron foi preso e submetido a uma avaliação mental durante um dia e meio, mas foi liberado.

A polícia do estado de Nova York afirmou, em um comunicado neste domingo, que no dia 8 de junho de 2021 foi chamada por uma escola na cidade natal de Gendron, Conklin, em resposta a um estudante de 17 anos que fez uma declaração ameaçadora. Sem identificar Gendron, a polícia disse que o estudante foi detido e submetido a uma avaliação de saúde mental em um hospital. Na época ele não foi acusado criminalmente.

Veja mais sobre o assunto acessando esse link.



91109110