Polícia Militar Rodoviária apreende cerca de 10 kg de maconha em um Ônibus de Turismo no Km 208

Divulgado em 28/08/2021 - 22:00 por portoferreirahoje

Pouco mais das 16h00 desse sábado, 27, o policiamento de TOR – Tático Ostensivo Rodoviário – da 4ª Cia. PM (Limeira), do 4º BPMRv (Jundiaí) durante patrulhamento pela rodovia Anhanguera – SP – 330 – prenderam em flagrante por suspeita de tráfico interestadual um homem que seguia em um Ônibus de Turismo para a cidade de Recife/PE.

Os policiais militares rodoviários durante trajeto pela rodovia em questão, resolveram aleatoriamente abordar um Ônibus de Turismo que seguia para a cidade de Recife/SP, em frente ao 2º Pelotão de PMRv, km 208 (município de Pirassununga).

Durante revista pessoal aos ocupantes do coletivo, nada de ilícito foi encontrado, porém, quando em revista ao compartimento de bagagens, encontraram em uma das malas acondicionadas, a quantia de onze (11) “tijolos” da maconha, pesando em balança não oficial cerca de 9.960 kg, perto dez quilos.

Os policiais questionaram os passageiros sobre a propriedade da droga, pois, como as malas, mochilas, caixas não tinham identificações, ninguém assumiu a propriedade da maconha.

GOC

Uma conversa da equipe do TOR, com o secretário Paulo André da Silva Tannús, da pasta da Segurança Pública Municipal de Pirassununga, foi enviado para o local a equipe do Canil da GCM, seguindo com as cachorras Ianka e Kiara.

Enquanto que a cachorra Ianka farejava as malas, mochilas e caixas, a outra, Kiara, farejava os ocupantes do Ônibus, até que em dado momento, ao farejar as mãos de um indivíduo, posteriormente identificado como sendo Cleiton Lacerda da Silva, natural de Olinda/PE, parou frente ao mesmo, apontando que havia cheiro de maconha em suas mãos.

Questionado pelos policiais, Cleiton teria confessado que a maconha encontrada estava sendo transportada por ele. Diante a confissão do mesmo, os policiais deram voz de prisão ao mesmo, sendo levado ao Pronto Socorro, onde após passar por exame cautelar foi levado para o plantão da CPJ, onde o delegado de polícia civil, Marcelo Marques de Oliveira, ratificou a voz de prisão, atuando nos autos, o investigador de polícia Carlos Cabrini.

O pernambucano Cleiton Lacerda da Silva, foi transferido para a carceragem da Central de Vagas da Delegacia Seccional da cidade de Limeira/SP.

Veja mais acessando esse link.

Fonte: www.reporternaressi.com.br  

 



91109110